Buscar

Buscar neste site:

Descaminhos do São Francisco, Os


Autor:

Marcos Antonio T. Coelho

Número de páginas:

288

ISBN:

978-85-2190-764-0

Editora:

Paz e terra

Categoria:

Agroecologia

Peso:

470 g
R$ 61,50
O papel do rio São Francisco na formação do Brasil e o polêmico projeto de transposição são alguns dos temas do livro Os descaminhos do São Francisco, do jornalista Marco Antônio Tavares Coelho, que será lançado nesta sexta-feira, 4 de novembro, às 19h, no auditório da Copasa. O lançamento é uma realização do Projeto Manuelzão e da Editora Paz e Terra.
 
Resultado da pesquisa de três anos do jornalista, o livro revela informações inéditas sobre a história do Velho Chico. Segundo o autor, são dados que permitem proclamar a existência de uma "civilização sanfranciscana". O livro traz uma retrospectiva da utilização do rio, desde a fase em que era o caminho natural para a penetração de nosso território até a primeira metade do século XX, quando o São Francisco passou a ser usado sobretudo para acionar as turbinas das hidrelétricas.
 
Em razão disso, a população ribeirinha ficou esquecida e abandonada. Os erros cometidos na construção da represa de Sobradinho (BA) – o maior lago artificial do mundo – ao lado da despreocupação com os problemas ambientais do grande rio são também abordados no livro.
 
Outro tema tratado em Os descaminhos do São Francisco é o polêmico projeto de transposição do rio, que prevê o desvio de uma parcela das águas do rio para o Nordeste setentrional. O autor faz uma análise política do assunto e o conjuga com visões de alguns dirigentes governamentais.
 
Os governadores de Minas Gerais, Bahia e Sergipe, além do ex-ministro do Meio Ambiente, José Carlos de Carvalho, atual titular da Secretaria do Meio Ambiente e do Desenvolvimento Sustentável de Minas Gerais expõem suas opiniões.