Tag: Batalha das Ideias - Imperialismo e América Latina

Programa Batalha das Ideias – Série Imperialismo & América Latina

Se o colonialismo, o capitalismo, o neoliberalismo e o imperialismo foram e são instâncias unificadoras da América Latina, também foram e o são as suas identidades, suas façanhas contra os colonialistas e os invasores, suas abnegadas lutas sociais e políticas contra opressões e exploração, por liberdade, justiça social e democracia popular.

Nessa perspectiva, colocamos em pauta a contribuição de Fernando Heredia, Marta Harnecker e Álvaro Garcia Linera – autores de obras publicadas pela Editora Expressão Popular.

Programa 1 – 21 de outubro – 19h30
Tema: As principais características da ação do imperialismo na América Latina hoje
Aula aberta com Marina Gouveia e depoimento de Mathias Luce

As sociedades latino-americanas passam hoje por uma profunda e íntima intervenção do sistema imperialista. Estão desaparecendo os espaços reais conquistados pela região do mundo que mais resistiu contra o neocolonialismo e a transculturação. Perdeu-se a possibilidade de defender os projetos nacionais, os recursos naturais, as riquezas criadas, a autodeterminação dos povos, a soberania dos Estados, entre outros. E irreparável é a violação dos retrocessos das economias, sua extrema funcionalidade para o sistema capitalista internacional e seu estrangulamento pelas instituições e mecanismos financeiros internacionais e sua dominação cultural.

Programa 2 – 25 novembro – 19h30
Tema: As tensões criativas da luta anti-imperialista
Aula aberta com Manolo de los Santos e depoimento de Llanisca Lugo

As contradições foram, são e serão as forças produtivas da transformação, as forças produtivas das mudanças, as forças produtivas da revolução e o motor da história das sociedades. Tensões e contradições são mecanismos por meio dos quais conquistam-se as transformações, e se impulsiona o avanço de uma sociedade, como parte indissolúvel do curso democrático e revolucionário dos povos. A cultura deve integrar o mundo real em que vivemos e, assim, tornar-se consciente das conflitividades e dominações – ideológicas, sociais, econômicas e políticas – e da necessidade de criar consciência e organização popular.

– Transmissão ao vivo pelas redes sociais da Editora Expressão Popular

Exibindo todos 16 resultados