Cenários da libertação – Paulo Freire na prisão, no exílio e na universidade

R$31,50

Esta obra – Cenários da Libertação: Paulo Freire na prisão, no exílio e na universidade, de Clodomir Santos de Morais – é uma coedição entre o Sindicato dos Docentes das Universidades Federais do Estado do Ceará (ADUFC) e a Editora Expressão Popular, que aparece no oportuno momento de comemoração dos 100 anos de nascimento de Paulo Freire (1921-1997).

O autor organizou esta obra em 12 cenários nos quais, como em um filme, conta histórias por ele vivenciadas, vinculadas ao que denominou por Cenários de libertação. O livro começa com a descrição dos horrores sofridos e cometidos após o golpe de 1964. Como um banho de realidade, desperta no leitor sentimentos de indignação e revolta frente à ação civil militar de autoritarismo e violência por parte do Estado, que levou a sociedade brasileira aos anos de silêncio e horror. Foi escrito quando estava na embaixada do Chile, no Rio de Janeiro, em junho de 1965, aguardando para sair do país como exilado.

Paulo Freire entra no segundo cenário, quando o autor descreve a convivência entre ambos anteriormente e no período em que estavam detidos. Um capítulo especial, com histórias curiosas, mostrando o educador na sua integridade afetiva e corporal, um Paulo Freire curioso intelectualmente e ao mesmo tempo socializado entre seus companheiros de prisão. O cenário III segue tratando da vida de Paulo no exílio.

A partir daí, nos cenários seguintes, o livro descreve momentos de convivência com Paulo e reflexões sobre o México, a Nicarágua, a Alemanha, os Estados Unidos e outros países onde morou e trabalhou. No último cenário, o XII, retoma a vida de Paulo Freire como centralidade, comentando sobre como teve que intervir para convidá-lo a proferir duas conferências na Universidade Federal de Rondônia, estado onde estava vivendo, transcrevendo-as na sua totalidade. Este último texto tem sua importância por terem sido uma das suas últimas palestras proferidas pelo educador, que viria a falecer 40 dias depois.

Assim, convido todas e todos para que possamos revisitar a obra e os escritos paulo-freireanos, para podermos ter, nesta jornada, uma atitude revolucionária, comprometida com uma democracia verdadeira, com um bem viver compartilhado. (Sérgio Haddad – Educador, ativista social, publicou recentemente o livro O Educador: um perfil de Paulo Freire pela Editora Todavia).

REF: 9786558910398 Categorias: , , , , Tags: , , , ,

Autor:
Clodomir Santos de Morais.

Número de páginas:
298

ISBN:
9786558910398

Editora:
Expressão Popular

ID do produto: 71244

Descrição

Clodomir Morais, intelectual orgânico da reforma agrária - MSTSobre o autor:

Clodomir Santos de Morais nasceu no dia 30 de setembro de 1928, na cidade de Santa Maria da Vitória, na Bahia. Estudou em São Paulo, Salvador e Recife, foi jornalista e escritor com mais de 20 livros publicados, sendo a maior parte deles escritos no período de exílio. Foi advogado, sociólogo, professor, consultor em desenvolvimento agrário da Organização das Nações Unidas (ONU). Foi militante comunista, deputado estadual e um dos líderes das Ligas Camponesas. Foi preso político antes de 1964, durante o governo João Goulart e, no período do golpe militar, teve seus direitos políticos cassados. Foi preso novamente e dividiu cela com o educador Paulo Freire. Clodomir Morais faleceu no dia 25 de março de 2016.

Informação adicional

Peso 0.3 kg