Estética da desaparição

R$32,00

Paul Virilio talvez seja o autor que pensou mais radicalmente, e de forma pioneira, as transformações provocadas pela velocidade da técnica, sobretudo nas últimas décadas do século XX e no início do XXI. Suas audaciosas teorias partem de uma constatação que ainda é polêmica, embora tenha se tornado cada vez mais evidente: a proliferação das mídias audiovisuais e interativas subverteu as vivências temporais, contribuindo para comprimir as durações, desmaterializar o espaço e expropriar certas zonas da experiência subjetiva.

Neste livro, publicado originalmente em 1980, o autor antecipa de forma visionária muitas das discussões que logo se tornariam centrais para compreender o que mudou nos modos de vida da atual sociedade tecnologizada. Entre outros fenômenos que marcam o espírito desta época, Virilio examina o paradoxo entre velocidade e inércia; as transformações das experiências em comum, suscitadas pelo compartilhamento compulsório de informações e pelos monitoramentos contínuos; as implicações da virtualização que acompanhou o desenvolvimento da vida on-line, bem como as novas formas de isolamento e dispersão que vieram junto com a expansão das redes digitais e a multiplicação das telas.

Partindo do exemplo da picnolepsia – um estado de “ausência” no qual ocorre uma suspensão da percepção ordinária experimentada como uma pausa entre consciência e inconsciência –, o autor analisa a captura da frequência temporal subjetiva pelos dispositivos cinemáticos. Essa interrupção da vigília — que, em certo sentido, é comparável a outros “tempos mortos”, como o sono e a contemplação – foi considerada um “pequeno mal” pela fisiologia, ou seja, um obstáculo às demandas capitalistas por uma percepção sempre alerta e produtiva. Por isso, segundo Virilio, esse modo disruptivo ou “inútil” de experimentar o tempo foi modulado por um arsenal de máquinas da visão que tenderam a canalizar essa breve descontinuidade por meio de velozes efeitos de montagem, tornando cada vez mais obsoletos os exercícios do olhar contemplativo e da vida imaginativa.

Fora de estoque

REF: Estética da desaparição Categoria:

Autor:
Paul Virilo

Número de páginas:
336

ISBN:
978-85-7866-110-6

Editora:
Contraponto

ID do produto: 8168

Descrição

 

Informação adicional

Peso 0.161 kg