Florestan Fernandes – 3 livros!

R$60,00

Os dois livros do mês de março/2019 da Expressão Popular – “Apontamentos sobre a ‘Teoria do Autoritarismo’ ” e “Reflexões sobre a construção de um instrumento político” -, mais o livro “Florestan Fernandes – sociologia crítica militante”, todos escritos por Florestan Fernandes.

Apontamentos para a ‘Teoria do Autoritarismo’ foi escrito por Florestan Fernandes com base em anotações de aulas para o curso de graduação sobre a “Teoria do Autoritarismo”, que ministrou no Departamento de Política da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) no final de 1977. Nosso autor escreve em uma época em que as experiências socialistas do século XX, como as da Iugoslávia, China, Cuba, URSS, estavam vigentes e disputavam a hegemonia mundial com a superpotência capitalista, numa polarização entre revolução e contrarrevolução. No plano nacional, desde 1964 vive-se uma ditadura civil-militar promovida e apoiada pelos EUA que esmaga a possibilidade de se realizar as reformas de base propostas pelo governo de João Goulart com o apoio das forças de esquerda.

Em Reflexões, o socialismo surge criticando, entre outros elementos, “o Estado capitalista como modalidade de democracia restrita, apesar das constituições e das eleições”. Com isso em vista e um século de experiências de revolução e contrarrevolução, o autor identifica duas questões centrais para a condução das práticas do partido, e ao longo do texto busca subsidiar a reflexão sobre o assunto: “1ª) A social-democracia, adulterada para servir às nações capitalistas centrais, é viável na periferia e nela perderia o caráter de uma capitulação dos trabalhadores e dos assalariados de outros escalões ao despotismo do capital? 2ª) O PT manterá a natureza de uma necessidade histórica dos trabalhadores e dos movimentos sociais radicais se preferir a ‘ocupação do poder’ à ótica revolucionária marxista?”

E em “Florestan Fernandes – sociologia crítica militante”,  o leitor encontrará o labor de dois dos maiores mestres da sociologia crítica brasileira. Livro que traz uma seleção criteriosa de dimensões da obra do mestre Florestan Fernandes, recortada pelo seu melhor colaborador, amigo e discípulo, o também mestre Octavio Ianni. Oferece uma densa e sólida explicação sobre as formas da dominação burguesa, peculiaridades de nossa formação social, o caráter retardatário da burguesia e sua recorrência constante ao Estado autocrático, ditatorial, avesso às mudanças mais profundas, nos ajudando a compreender alguns dos enormes desafios para a revolução social no Brasil contemporâneo. Conhecedor em profundidade da obra de Marx, Weber e Durkheim, Florestan escreveu com originalidade sobre os indígenas, os negros e a questão racial no Brasil, o folclore, a dependência e o subdesenvolvimento, as classes sociais e o capitalismo brasileiro, a nossa revolução burguesa, configurando-se numa das mais abrangentes e instigantes formulações sobre dimensões multifacetadas da realidade brasileira.

1 em estoque

REF: Florestan Fernandes - 3 livros! Categorias: , , Tags: ,

Autor:
Florestan Fernandes

Número de páginas:
775

ISBN:
-

Editora:
Expressão Popular

ID do produto: 28432

Informação adicional

Peso 1.042 kg
Aguarde

Livraria e Editora Expressão Popular

Receba nossos informativos!