Lévi-Strauss – figuras do saber

R$49,00

Claude Lévi-Strauss (1908-2009), pai da antropologia estrutural, marcou a vida intelectual do século XX pela sua longevidade e pela amplitude de sua obra. O pensador também é célebre na academia brasileira: Lévi-Strauss lecionou em São Paulo e, junto de Mário de Andrade, fundou a primeira sociedade etnológica do país.
No entanto, os grandes eixos de seu projeto científico por vezes são esquecidos. Como compreender a singularidade das teses de Lévi-Strauss sem ter uma ideia do que é o estruturalismo? Como apreender a especificidade de sua obra sem dispor de um conhecimento das disciplinas e das correntes com as quais ela entra em debate: a filosofia, a linguística, a psicanálise, o marxismo ou o existencialismo? Como, enfim, atribuir todo o alcance às pretensões científicas da antropologia estrutural quando se reduz as ciências humanas a uma percepção da realidade social?

A ambição desta obra de Olivier Dekens é responder a essas questões fazendo uma travessia pelos textos de Lévi-Strauss. O autor analisa desde As estruturas elementares do parentesco e A oleira ciumenta, passando por Tristes trópicos, O pensamento selvagem, O cru e o cozido e O olhar distanciado, além de comentar suas viagens antropológicas, entre elas as visitas ao Brasil, e contextualizar o pensamento de Lévi-Strauss com o de seus contemporâneos. Trata-se de compreender, finalmente, por que Lévi-Strauss pode ser considerado um filósofo, mesmo contra sua vontade, na medida em que é um cientista que produz filosofia pelos meios que ele mesmo implementa.

2 em estoque

REF: Lévi-Strauss - figuras do saber Categorias: , , Tags: ,

Autor:
Olivier Dekeins

Número de páginas:
232

ISBN:
9788574482927

Editora:
Estação Liberdade

ID do produto: 23773

Informação adicional

Peso 274 kg